Como é usado o M-M-R II?

O M-M-R II é uma vacina composta por três componentes: sarampo, caxumba e rubéola. É administrada através de uma injeção subcutânea e é utilizada para prevenir essas três doenças infecciosas. Neste artigo, discutiremos a composição e administração do M-M-R II, suas indicações e contraindicações, bem como seus efeitos colaterais e precauções.

Composição e administração do M-M-R II

O M-M-R II é composto por vírus vivos atenuados do sarampo, caxumba e rubéola. Esses vírus são cultivados em células de embrião de galinha e, em seguida, enfraquecidos para que não causem doenças graves. A vacina é fornecida em frascos multidose e deve ser administrada por via subcutânea, geralmente no músculo do braço.

A dose recomendada para crianças é de 0,5 ml, enquanto que para adultos é de 0,5 ml ou 1,0 ml, dependendo da situação. É importante seguir as orientações do profissional de saúde para a administração correta do M-M-R II, pois a vacinação inadequada pode comprometer a eficácia da imunização.

Indicações e contraindicações do M-M-R II

O M-M-R II é indicado para a prevenção do sarampo, caxumba e rubéola em crianças com 12 meses de idade ou mais, adolescentes e adultos que não foram imunizados anteriormente ou que não tiveram a doença. A vacina é especialmente importante para grupos de risco, como profissionais de saúde, viajantes internacionais e pessoas que vivem em áreas com surtos dessas doenças.

No entanto, existem algumas contraindicações para o uso do M-M-R II. A vacina não deve ser administrada em pessoas com alergia grave a qualquer componente da vacina, incluindo neomicina e gelatina. Além disso, mulheres grávidas devem evitar a vacinação, pois ela contém vírus vivos atenuados que podem representar um risco para o feto. É importante consultar um médico antes de receber a vacina para avaliar as contraindicações individuais.

Efeitos colaterais e precauções do M-M-R II

A maioria das pessoas que recebem o M-M-R II não apresenta efeitos colaterais graves. No entanto, podem ocorrer reações leves, como dor e vermelhidão no local da injeção, febre baixa, erupção cutânea e dor muscular. Esses sintomas geralmente desaparecem em alguns dias e não requerem tratamento específico.

Algumas precauções devem ser tomadas antes de receber o M-M-R II. Pessoas com sistema imunológico enfraquecido, como aquelas com HIV/AIDS ou que estão em tratamento com medicamentos imunossupressores, devem consultar um médico antes de receber a vacina. Além disso, é importante informar o profissional de saúde sobre qualquer alergia ou condição médica pré-existente.

O M-M-R II é uma vacina importante para a prevenção do sarampo, caxumba e rubéola. Sua composição, administração, indicações, contraindicações, efeitos colaterais e precauções devem ser cuidadosamente considerados antes da vacinação. É fundamental seguir as orientações do profissional de saúde e garantir que todas as dúvidas sejam esclarecidas antes de receber a vacina. A imunização adequada é essencial para a proteção individual e coletiva contra essas doenças infecciosas.

Você não pode copiar o conteúdo deste site!

Plano Basic Pharmus MC

Experimente por 30 dias grátis

Ideal para farmácias individuais que precisam de uma solução online para escrituração, independente de outros sistemas.

Plano Premium

Recomendado para farmácias independentes e distribuidoras